A Doce Vida

Berçário
Berçário

Proposta Educacional Berçário

Para a escola o bebê é um ser humano capaz de aprender e formar, já na tenra idade, formar esquemas de entendimentos iniciais que lhe darão a base fundamental para aquisições posteriores.

O berçário da Doce Vida tem a importante tarefa de “preparar o terreno” para que o bebê crie um vinculo de confiança com o ambiente escolar e experimentar situações novas, por meio do trabalho de estimulação motora.

No berçário da A Doce Vida ingressam bebês a partir dos 4 meses de vida, que serão acompanhados por um Programa de Acompanhamento Educacional para Bebês – Projeto PAEBEBÊS, desenvolvido pela psicopedagoga Daniela Heintz Ramos.

O espaço destinado aos bebês oferece banheira, trocador, quarto de dormir, berços e materiais para o desenvolvimento da proposta educacional. Tudo num ambiente que valoriza a organização e ao mesmo tempo, incentiva a exploração e a curiosidade do bebê em descobrir o mundo.

Rotina

Chegada do bebê

Os pais conduzem os bebês até o berçário que são levados cada um ao seu berço se estiverem dormindo. Caso contrário, são deixadas com as educadoras responsáveis pela sala e participam das atividades.

Estimulação Dirigida e Brincadeira Livre

O primeiro ano de vida do bebê é uma fase totalmente egocêntrica, onde ele se sente o centro do mundo. Trabalhar sua identidade em relação ao seu novo mundo (família, escola e rotina) é o modo de contribuir para um processo de percepção e experiências nos primeiros meses da infância, caracterizados pela satisfação que produzem as vivências táteis, visuais e auditivas.

Tomando Sol

No espaço externo na área do berçário os bebês tomam sol e passeiam ao ar livre usufruindo de brinquedos adequados à faixa etária.

Higiene e alimentação

Momento para troca de fraldas e higiene em geral. Após a troca são oferecidas papinhas ou mamadeiras.

Hora do sono

A hora do sono é fundamental nesse período, pois toda vez que a criança dorme estão sendo formadas proteínas fundamentais para sua memória, sua capacidade de aprendizado e seu crescimento corporal. Assim, se a criança está sonolenta não desrespeitamos seus hábitos de dormir. Elas levam seus bichinhos e/ou travesseiros para os carrinhos e são ninadas até dormir. Logo depois, são colocadas cada uma em seu berço.

Projetos

A escola desenvolve com os bebês do Berçário um processo de estimulação motora e sensorial. São atividades associadas ao nível de desenvolvimento da criança, conforme suas necessidades psicológicas e fisiológicas.

Em todos os momentos da rotina há uma comunicação com os bebês, quer seja conversando, cantando, utilizando gestos, expressões, tocando. A “estimulação” ocorre, na verdade, a todo o momento. A ênfase do trabalho é dada ao brincar, porém também são planejadas atividades de exploração sensorial, motora, musical e lingüística.

Estimulação visual – por meio de objetos coloridos que permitem o manuseio com as mãos e a boca;

Estimulação sensorial – acariciar, tocar, massagear;

Estimulação lingüística – conversar sempre com o bebê e sorrir;

Estimulação motora – subir e descer, passar por baixo, empilhar, chutar, rolar entre outros.